capa-banner.jpg
ML_cover.jpg
ddb-cover.jpg
capa-banner.jpg

Nora


SCROLL DOWN

Nora


Baseado na obra teatral "Casa de Bonecas" de Henrik Ibsen, NORA é um filme que faz dialogar as linguagens cinematográficas e teatrais. O diretor escolhe filmar o texto adaptado por Daniel Veronese para os palcos em duas perspectivas, a do cinema, mas também a do teatro, criando assim uma interseção entre as duas linguagens a partir da potencia do texto.

FICHA TÉCNICA

Direção: Roberto Bomtempo
Elenco: Miriam Freeland, Murilo Grossi, Anna Sant'Ana, Leandro Baumgratz e Regina Sampaio
Roteiro: Daniel Veronese - Baseado na obra teatral Casa de Bonecas de Henrik Ibsen

ML_cover.jpg

Mão na Luva


Mão na Luva


CLIPPING

Baseado na peça Mão na Luva, de Oduvaldo Vianna Filho, o filme de José Joffily e Roberto Bomtempo foi selecionado para a Mostra Panorama do Festival do Rio em 2013, para o Festival Latino- Americano de Cinema de São Paulo 2014 e rendeu os prêmios de Melhor Direção e Melhor Atriz (Miriam Freeland) no Festival de Cinema de Natal do mesmo ano.

O filme conta a história de Lúcio (Roberto Bomtempo) e Sílvia( Miriam Freeland) que decidem se separar após 13 anos de união. A última noite é marcada por acusações, revelações e pelas lembranças de um casal tão apaixonado que, pelo entendimento perfeito, lembrava o encaixe de uma mão na luva. 


Fotos: Bianca Aun

FICHA TÉCNICA

Direção: José Joffily e Roberto Bomtempo
Elenco: Miriam Freeland, Roberto Bomtempo e Chico Pelúcio

Estreia Nacional: Novembro/2014

Filme contemplado pelo Edital da Secretaria de Cultura do Estado de Minas Gerais – Filme em Minas e pelo Canal Brasil


PRÊMIOS

  • Melhor Atriz para Miriam Freeland
  • Melhor Direção no Festival de Cinema de Natal
  • Seleção Oficial na Mostra Panorâmica do Festival do Rio
  • Seleção do Festival de Cinema Latino-americano de São Paulo

CRÍTICA

“Sensível e sem julgamentos, o belo texto do dramaturgo Vianninha foi adaptado, dirigido e interpretado com respeito e competência”

 Alexandre Agabiti Fernandez

 – Folha de São Paulo

ddb-cover.jpg

Depois daquele Baile


Depois daquele Baile


Um filme dirigido por Roberto Bomtempo, com Irene Ravache, Lima Duarte e Marcos Caruso.

Dóris (Irene Ravache) é uma viúva sensual, que mora em Belo Horizonte e leva a vida cuidando de uma pensão. Ela é ajudada por Bete (Ingrid Guimarães), sua sobrinha, que veio para a cidade com o objetivo de estudar enfermagem. Entre os clientes mais assíduos de Dóris estão Freitas (Lima Duarte) e Otávio (Marcos Caruso), dois amigos que têm em torno de 60 anos e que disputam o coração da viúva. É quando Freitas propõe uma aposta a Otávio, em que quem ganhar terá um mês para conquistar Dóris e, se perder, será obrigado a abrir caminho para o rival.

FICHA TÉCNICA

Direção: Roberto Bomtempo
Elenco: Lima Duarte, Irene
Ravache, Marcos Caruso e Ingrid Guimarães

Estreia Nacional: Março/2006

Filme contemplado pelo Edital de B. O. da Petrobrás para Produção e para Distribuição


PRÊMIOS

  • Melhor Filme Festival de Cinema de Tiradentes – Júri Popular,
  • Melhor Filme no Festival de Cinema de Miami – Prêmio da Crítica Americana
  • Melhor Filme do Festival de Cinema de Nova York - Júri Popular
  • Melhor Filme Festival de Cinema de Tiradentes – Júri Popular
  • Melhor Ator para Lima Duarte no Festival de Cinema de Funchal, entre outros.

CRÍTICA

“’Depois daquele Baile’ é um elogio aos sentimentos simples e bons e defende valores positivos como a lealdade e a amizade acima dos interesses. Tem tudo para agradar a um público carente de valores positivos, em meio a crise moral e existencial em que vivemos.

Luiz Zanin Oricchio – O Estado de São Paulo